segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Emprego no comércio continua em queda no Pará

Foto: Arquivo/O Liberal
Foto: Arquivo/O Liberal
O emprego no setor comércio no Pará continua em queda nos primeiros nove meses do ano, com perda de 1.600 postos de trabalho. Entretanto, em relação aos últimos 12 meses, o setor apresenta melhoras. É o que demonstra uma pesquisa do Dieese-PA (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos) divulgada nesta segunda-feira (16).

De acordo com o estudo, de janeiro a setembro deste ano, o Pará já perdeu 1.600 vagas de emprego e teve saldo negativo de 0.75% no saldo entre admitidos e desligados. Foram feitas no período analisado, 69.978 admissões contra 71.592 desligamentos gerando um saldo negativo de 1.614 postos de trabalhos. No mesmo período do ano passado, a situação foi melhor, já que o saldo positivo ficou em 1.080 postos de trabalhos. Na análise setorizada, o setor comércio varejista apresentou queda de 1,04% na geração de empregos. Foram feitas neste segmento em todo o Pará, 58.258 admissões contra 60.134 desligamentos, com saldo negativo de 1.876 postos de trabalhos. Já no segmento atacadista paraense houve crescimento de 0,76% na geração de empregos formais. 
Já com relação aos últimos 12 meses, o setor teve saldo positivo na geração de empregos formais no comparativo entre admitidos e desligados com crescimento de 0,53%. No período analisado, foram feitas no setor em todo o Pará, 97.650 admissões contra 96.529 desligamentos gerando um saldo positivo de 1.121 postos de trabalhos. Tanto o comércio varejista quando o atacadista apresentaram saldos positivos de 0,34%. No período analisado, foram feitas no Comercio Varejista em todo o Pará, 81.821 admissões contra 81.215 desligamentos gerando um saldo positivo de 606 postos de trabalhos. Também no mesmo período, foram feitas no comércio atacadista no Estado, 15.829 admissões contra 15.314 desligamentos gerando um saldo positivo de 515 novos empregos. 

Fonte: ORM News

Nenhum comentário:

Postar um comentário